sábado, 30 de dezembro de 2006

. Mãe Desnaturada .

Olha, sei que fui uma mãe bastante ausente para o meu filho blog lá nos idos do cala-boca-já-morreu, mas, como tudo na vida tem uma explicação, pensei durante dias no que diria para os meus leitores acerca da minha pseudodesistência como blogueira, depois de quase três anos contando meu dia a dia para pessoas loucas o suficientes para se interessarem por minha vida. Pois bem. Pensei e nada me ocorria a mente, nem sequer uma mentirazinha bem bolada para que o primeiro post deste novo blog se tornasse atraente e convidativo. E, foi de tanto pensar, que cheguei a conclusão tão simples de que eu não deveria ter gasto tanto tempo rasurando linhas de explicações, pois, na verdade, não havia explicação nenhuma. Nenhum adendo, nenhum acréscimo, nenhuma observação. Eu simplesmente achava que tudo estava sem graça o suficiente para que eu desistisse, inclusive a minha vida. Isso mesmo: a rotina monótona de quem passava o dia inteiro estudando, não me acrescentava alguma grande inspiração e me tirava completamente a iniciativa de postar. E parei simplesmente porque não agüentava mais arrumar desculpas esfarrapadas para cara demorada atualização. Só que como todo ponto fraco de quem um dia foi blogueiro, é escrever, tive a minha primeira recaída e assumo a minha paixão incondicional pelo meu ex, que na verdade, só deixou de ser ex, por estar em outro endereço, em outro layout, em outra juventude perdida. Ora, se é para mudar, que eu mude decentemente! Tudo novo, para que se comece um também novo ano. A casa por enquanto está simples e eu sei que uma maçã verde nada tem a ver com o título e alcunha escolhida para este, mas isto será assunto para próximo post. O começo é sempre difícil, eu sei, mas não sinto vontades de voltar para o "Cala-Boca-Já-Morreu", meu antigo espaço de devaneios. E o passado? Bem, esse vai ficar quietinho lá, para quem quiser acessar e até mesmo para eu relembrar uma história de uma época na minha vida onde eu fui incrivelmente sonhadora! Bem que dizem que depois dos 20, a vida já não é mais a mesma. Mas acho que continuo sonhando. Sem mais!

4 comentários:

Cafe-Soluvel disse...

Olá, Carol, tudo bem? Aqui é o Café Solúvel escrevendo. Obrigado por avisar da casa nova! Espero que este novo espaço renda muitos prazeres para você. Não importa se ele vai ter vida longa ou curta, mas que ele ajude você a dar vazão a essa paixão que você tem pela escrita. Escreva muito! Escreva sempre! Você escreve muito bem. E apareça sempre.

Mariliza Silva disse...

Concordo que a vida depois dos 20 muda muito, mas você não tem idéia da virada que dá na vida, AOS 40. Faço aniversário amanhã, 31/12 - 40 aninhos! Eu não estou me conhecendo, não estou entendendo o que está acontecendo no meu âmago!! Só sei que estou AMANDO.
Seja bem vinda à vida adulta! PRecisando de mãe emprestada, tô aqui!!

Um beijão e BOM 2007 BLOGADO

Mariliza

Nilza disse...

Aeeeeeeeeeeeeeee...

Pedi e acho que fiz bem demais..mudar é quase sempre bom, quase sempre perfeito. E vc mudou na hora certa, mudou a cara, o peito, a roupa e o coração, percebo isso...

Espero que 2007 seja o marco de dias melhores..de uma vida sã, de momentos repletos de curiosidades boas dessas que jamais esquecemos..e que seu sonho seja realizado em seu princípio e que vc dê o final com sua realidade ..nua, crua e linda como vc é.

Beijos dessa "mãe" de sempre.
Te amo em Cristo !!

Nilza disse...

Oie..deixei um recado pra vc em meu blog..passe por lá..ok?

Beijos